A Secretaria Municipal de Educação de Fortaleza, encaminhou aos educadores de creches do município uma cartilha de 34 páginas que incentiva a masturbação infantil e sugere a pedofilia, tratando da “sexualidade na primeira infância”.

O deputado estadual cearense, André Fernandes (PSL), denunciou o caso por meio de um vídeo publicado no Youtube. Ele relata que recebeu diversas denúncias sobre o assunto e que foi verificar a veracidade.

Segundo Fernandes, a cartilha é destinada a educadores de creches que abrigam crianças de 0 a 6 anos. “Uma cartilha totalmente imoral!”, comenta.

Continua depois da publicidade

Ainda segundo o deputado, o material fala sobre a burguesia, a influencia das religiões e traz os seguintes trechos:

“Abraços e carícias eram muito comuns às classes populares, assim como a masturbação infantil, que eram realizados pelos pais e pelas amas para acalmar as crianças” e, ainda, “as brincadeiras sexuais entre adultos (sugestão de pedofilia) e crianças ocorriam com certa frequência”  

“É verdade sim! Tem muito mais coisas aqui nesta cartilha. Tive acesso ao slide original. Queriam ministrar uma palestra ainda essa semana com os educadores”, salienta.

“Disseram que era mentira. A secretaria mandou recolher todo o material e disse que era falso. Mentira da secretaria!”, acrescentou André Fernandes, que explicou que uma professora entregou para ele uma das cartilhas.

O site Agora Paraná divulgou imagens do material e lembrou que a prefeitura de Fortaleza é “curral político da família Ferreira Gomes, que tem seu principal nome: Ciro Gomes”:

Fonte: Agora Paraná

O conteúdo também debocha de Damares Alves, ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos:

Fonte: Agora Paraná

Ainda segundo o Agora Paraná, que teve acesso ao material completo, a cartilha diz que “reconhece a independência do erotismo, considerando fontes de sexualidade infantil e ressalta a posição de polimorfa perversa, na qual o ser humano tem uma disposição para toda prática sexual. Para a prefeitura de Fortaleza, de acordo com a cartilha, alguns adultos veem como uma questão assustadora a sexualidade infantil, no entanto, é uma dimensão humana à serviço da vida porque traz ganhos vinculados às bases fundamentais da felicidade como exercício do prazer e do amor”.

Assista ao vídeo do deputado na íntegra:

NOTA

A prefeitura e o governo se manifestaram e negaram que as normas estejam em vigor. O prefeito Roberto Cláudio (PDT) disse que não há produção e distribuição de qualquer material pedagógico sobre sexualidade infantil em creches, reafirmando ainda que o material veiculado é falso, tratando-se de montagem grosseira, utilizando indevidamente a identidade oficial da referida Secretaria Municipal.

Terça Livre

Siga o Site Por Dentro da Noticia também no Instagram https://www.instagram.com/por_dentro_da_noticia_/?hl=pt-br, e fique por dentro de todas as novidades!

VER PRIMEIRO

Receba as notícias do Site Por Dentro da Notícia em primeira mão. Clique em curtir no endereço baixo https://www.facebook.com/pordentrodanoticiaoficial/?ref=bookmarks .

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here