(Sydney Loofe Foto: Reprodução/Facebook)

Uma jovem de Edgar (Nebraska, EUA) foi dada como desaparecida após ter um segundo encontro com uma mulher que ela havia conhecido pelo aplicativo de paquera Tinder.

O desaparecimento foi investigado a partir de 15 de novembro de 2017, após alerta dado pela mãe. A última vez que Sydney Loofe, de 24 anos, deu notícia foi ao postar no Snapchat: “Pronta para o meu encontro”.

Continua depois da publicidade

Em dezembro, o corpo de Sydney foi descoberto. Durante o julgamento do caso, que começou nesta semana, a Promotoria destacou que a americana foi esquartejada em 14 pedaços, postos em sacos plásticos de lixo.

Os réus são Aubrey Trail, de 52 anos, e sua namorada, Bailey Boswell, de 25. Sydney foi atraída por Bailey seguindo orientações de Aubrey, de acordo com a acusação.

Aubrey Trail e Bailey Boswell
(Aubrey Trail e Bailey Boswell Foto: Divulgação/Saline County District)

A defesa alega que a morte de Sydney foi acidental. De acordo com a alegação, o trio participava de relação sexual consensual e “pesada”, com “prática de asfixia”. A Promotoria nega e afirma que o crime foi premeditado. O casal pode ser condenado à morte.

(Por Dentro da Notícia/Extra Globo)

Siga o Site Por Dentro da Noticia também no Instagram https://www.instagram.com/por_dentro_da_noticia_/?hl=pt-br, e fique por dentro de todas as novidades!

VER PRIMEIRO

Receba as notícias do Site Por Dentro da Notícia em primeira mão. Clique em curtir no endereço baixo https://www.facebook.com/pordentrodanoticiaoficial/?ref=bookmarks .

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here