(Bolsonaro ao lado de Heleno, Moro e a intérprete de libras.)

O Governo Jair Bolsonaro vai estabelecer o pagamento de um 13º para o programa Bolsa Família, o principal programa social de transferência de renda do Estado brasileiro. O anúncio foi feito por Jair Bolsonaro em sua transmissão semanal ao vivo no Facebook, às quintas. Trata-se do cumprimento de uma promessa feita na campanha, quando o capitão reformado do Exército tentou se afastar de vez de suas críticas anteriores ao programa, um símbolo das administrações do PT.

Continua depois da publicidade

“Resolvemos pelo Executivo e o décimo terceiro do Bolsa Família será anunciado na semana que vem. para atingir diretamente os mais necessitados. De onde virá o recurso? Do combate à fraude, que existe. E muita fraude. Então continuará esse trabalho cansativo, porque tem de pegar um a um, fazer cruzamento, mas está dando resultado aqui e o décimo terceiro vai estar garantido para o pessoal do Bolsa Família no final do ano”, disse o presidente.

Em março, o programa atendeu 14 milhões de famílias com renda por pessoa de até 89 reais (ou o dobro disso se há idosos, gestantes e crianças) em todo o país, ao custo de 2,6 bilhões de reias. O benefício médio pago por família é de 186 reais. De acordo com os especialistas, a renda extra para os beneficiários deve ter impacto limitado no orçamento e é positiva por chegar à camada mais vulnerável da população.

Promessa cumprida também em Pernambuco

Durante o segundo turno da eleição, o então candidato Bolsonaro havia lançado a proposta, que chamou de “excepcional” e atribuiu ao então candidato vice, Hamilton Mourão (PRTB). Mourão não estava na transmissão do Facebook. Quem apareceu ao lado do presidente foi ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, e o ministro da Justiça, Sérgio Moro —que, segundo a pesquisa Atlas Político, é mais popular que Bolsonaro e lançou nesta quinta sua conta no Twitter. 

Antes mesmo de Bolsonaro, o governador reeleito de Pernambuco Paulo Câmara (PSB) havia proposto dar 150 reais de 13º para todas as 1,1 milhão de famílias beneficiadas pelo Bolsa Família no Estado ainda no primeiro turno da campanha de 2018. Nesta quinta, horas antes de Bolsonaro, Câmara também já havia anunciado que vai cumprir sua promessa.

Durante a transmissão ao vivo, Bolsonaro também disse que 95% das metas estabelecidas para seus primeiro cem dias de Governo serão cumpridas, e que os outros 5% serão cumpridos “parcialmente”, mas não as detalhou.

(El País)

VER PRIMEIRO

Receba as notícias do Site Por Dentro da Notícia em primeira mão. Clique em curtir no endereço baixo https://www.facebook.com/pordentrodanoticiaoficial/?ref=bookmarks .

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here